• ibrthe

Criados para fazer parte da família de Deus

Por Ivonaldo Lopes

Quando pensamos em família logo vem a nossa mente algumas palavras que caracterizam esse ambiente de intimidade tão importante para o convívio humano, palavras como: relacionamento, comunhão, união, amor - são a marca dessa instituição poderosa criada por Deus, desde o princípio de tudo. O conceito de família nasceu bem antes da existência humana, pois quando observamos a relação que Deus tem entre si, no que diz respeito a trindade, concluímos que Deus nunca esteve sozinho e, que Ele mesmo se apresenta a nós em termos familiares - Pai, Filho e Espírito Santo - e isso trouxe reflexo direto quando Ele resolveu criar a humanidade.


A primeira ressalva que Deus faz ao criar todas as coisas, é que o homem não poderia ficar sozinho, que isso não seria bom e, por essa razão, ele estabelece um o plano de formar a família. Ele então cria a família biológica, que se torna um protótipo exato de um plano ainda mais ousado que viria mais a diante, o plano que Deus tinha de forma sua própria família, que chamamos de a família de Deus. Desde o princípio o propósito de Deus foi inserir a humanidade nessa nova família, que não é biológica, mas espiritual, Ele busca fazer isso por meio de adoção. “Em amor nos predestinou para sermos adotados como filhos por meio de Jesus Cristo, conforme o bom propósito da sua vontade”. Efésios 1:5. Esse processo de adoção se dá através de uma escolha do próprio homem, escolha essa que envolve a aceitação de seu filho Jesus através de um ato de fé. “Contudo, aos que o receberam, aos que creram em seu nome, deu-lhes o direito de se tornarem filhos de Deus”. João 1:12. Isso nos revela uma verdade que muitos não querem aceitar, a verdade de que nem todos são filhos de Deus, e que ainda não fazem parte de sua família, isso por que ainda não o receberam como Senhor e Salvador de suas vidas.


Fazer parte da família de Deus é um propósito que nos leva a pensar em como nós temos buscado nos relacionar enquanto filhos adotados e agora inseridos em um corpo chamado Igreja. A igreja é a extensão dessa família, é o modelo prático e vivo, onde devemos exercer nossa função como membros desse corpo. Embora nosso relacionamento com Deus seja pessoal, Ele nunca desejou que fosse particular. Somos partes de um corpo. “assim também em Cristo nós, que somos muitos, formamos um corpo, e cada membro está ligado a todos os outros”. Romanos 12:5. Isso mostra que não fomos chamados apenas para crer, mais para pertencer, pois somos partes, somos membros, pertencemos uns aos outros, e cada um possui um papel importante para o desenvolvimento e saúde desse corpo. Para o apóstolo Paulo ser membro da igreja significa ser um órgão vital de um corpo vivo, parte indispensável e inseparável do corpo de Cristo. Assim como cada um de nós tem um corpo com muitos membros e esses membros não exercem todos a mesma função, assim também em Cristo nós, que somos muitos, formamos um corpo, e cada membro está ligado a todos os outros. Romanos 12:4,5.


Nenhum cristão pode existir por si mesmo, essa ideia de ser cristão desligado da comunhão, do corpo, dos relacionamentos da igreja não existe, pois é impossível ser cristão e ao mesmo tempo está desligado da igreja, distante da comunhão, e não exercendo uma função no corpo. Quando eu deixo de participar das atividades do corpo eu deixo de crescer e ser edificado espiritualmente. Dele todo o corpo, ajustado e unido pelo auxílio de todas as juntas, cresce e edifica-se a si mesmo em amor, na medida em que cada parte realiza a sua função. Efésios 4:16. A pessoa que diz não preciso de igreja é soberba e arrogante, pois se a igreja não fosse importante Cristo não teria morrido por ela, Ele não a teria constituído. A igreja é a noiva de Cristo, e não consigo imaginar alguém dizendo para Jesus: Eu te amo, mas não gosto de sua noiva, não quero ter vínculo ou fazer parte dela. A palavra igreja é utilizada na bíblia quase sempre para se referir a uma comunidade visível e local, e isso nos mostra a necessidade que cada um tem de estar participando de forma ativa e presente, como parte importante do corpo.


Por que é importante fazer parte de uma igreja local?


1°) A igreja identifica-o como cristão verdadeiro

Não posso afirmar que sou um seguidor de Cristo se não sou comprometido com um grupo específico de discípulos. “Com isso todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos outros". João 13:35. Quando nos reunimos em amor, como uma família na igreja, com diferentes formações, raça e posições sociais, levamos ao mundo um poderoso testemunho.


2°) A igreja retira-o do isolamento egoísta.

A igreja é uma sala de aula, um laboratório para a prática do altruísmo e do amor compassivo. Como membro ativo eu aprendo a me interessar pelo outro e a compartilhar minhas experiências. “Quando um membro sofre, todos os outros sofrem com ele; quando um membro é honrado, todos os outros se alegram com ele”. 1 Coríntios 12:26. A bíblia ensina que nosso comprometimento não é apenas com Jesus, mas uns com os outros. “Nisto conhecemos o que é o amor: Jesus Cristo deu a sua vida por nós, e devemos dar a nossa vida por nossos irmãos”. 1 João 3:16


3°) A igreja ajuda no crescimento espiritual

O crescimento e a maturidade do cristã são desenvolvidos através dos relacionamentos.

Dele todo o corpo, ajustado e unido pelo auxílio de todas as juntas, cresce e edifica-se a si mesmo em amor, na medida em que cada parte realiza a sua função. Efésios 4:16. A bíblia mostra uma expressão bastante comum no novo testamento que identifica o convívio da igreja, a expressão uns aos outros aparece mais de 50 vezes, por isso entendemos que não se cresce espiritualmente apenas ouvindo uma pregação, em um culto, ou pela televisão, mais se cresce quando convivemos e nos relacionamos.


4°) A igreja me ajuda a não retroceder

A bíblia diz que uma das funções da igreja é fortalecer a fé uns dos outros, e isso inclui a nossa luta contra o pecado, pois se para o cristão é difícil lutar contra o pecado enquanto estamos juntos, imagine quando estamos distantes uns dos outros. Pelo contrário, encorajem-se uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama "hoje", de modo que nenhum de vocês seja endurecido pelo engano do pecado, Hebreus 3:13. É nosso dever ajudar aqueles que estão fracos espiritualmente, faz parte de nossa responsabilidade. A palavra igreja está associada a coletividade, a relacionamentos, a mutualidade, ela é a nossa nova família constituída por Deus, sem ela é impossível eu ser um cristão.


Perguntas para meditação:

1. O quanto para você é importante fazer parte da família de Deus?

2. Que contribuição significativa você tem dado, como membro e parte dessa família?

3. Como você enxerga a ideia de ser um cristão e não fazer parte de uma igreja local?


Fazer Download em PDF:

GUIA-VIDA-COM-PROPOSITO-05
.pdf
Download PDF • 231KB

48 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo